Conheça as cidades mineiras que registraram melhores saldos de empregos gerados pelas MPE

Levantamento divulgado pelo Sebrae Minas mostra ranking dos 10 municípios do estado que contrataram mais que demitiram em 2017

 

Belo Horizonte, Betim e Uberlândia foram as cidades que tiveram os melhores saldos de empregos gerados pelas Micro e Pequenas Empresas (MPE) mineiras em 2017. É o que mostra o levantamento feito pelo Sebrae Minas com base nos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

 

No ranking das cidades mineiras que tiveram o melhor desempenho na geração de emprego pelas MPE no ano passado, Belo Horizonte ficou em primeiro lugar com o saldo de 6.029 vagas. O resultado colocou a capital mineira na 3ª posição da lista das cidades onde as MPE mais geraram empregos no Brasil.

 

Também foram destaque na geração de empregos as cidades de: Betim (1.620 vagas), Uberlândia (1.248 vagas), Patos de Minas (934 vagas), Iturama (866 vagas), Montes Claros (788 vagas), Varginha (773 vagas), Nova Lima (757 vagas), Paracatu (750 vagas) e Alfenas (693 vagas).

 

No acumulado do ano, Minas Gerais teve o segundo melhor saldo de empregos gerados pelas MPE no país, 36.055 vagas. De janeiro a dezembro, as MPE mineiras contrataram 1.070.991 trabalhadores e demitiram 1.034.936. Se comparado com outros estados o resultado só não foi melhor que São Paulo que obteve um saldo de 54 mil empregos gerados pelas MPE no ano. “Houve uma recuperação dos empregos gerados pelas MPE no estado, se analisarmos o mesmo período, em 2016, o saldo de empregos das MPE foi negativo e chegou a -36.747 vagas”, avalia a analista do Sebrae Minas Bárbara Alves.

 

O setor de Serviços (20.258 vagas) concentrou mais que a metade dos empregos gerados pelas MPE mineiras. Nas regionais, os destaques foram para o Centro (13.234 vagas) e Sul (6.925 vagas) que juntas foram responsáveis por 56% dos postos de trabalho gerados pelos pequenos negócios no estado.

 

As ocupações que tiveram a maior parte das vagas abertas pelas MPE mineiras foram: alimentador de linha de produção (4.320 vagas), faxineiro (3.164 vagas), atendente de lojas e mercados (3.071 vagas), repositor de mercadorias (2.603 vagas) e servente de obras (2.570 vagas).

 

No vermelho

Apesar do bom desempenho das MPE do estado, as atividades que registraram mais demissões que contratações foram: pedreiro (-2.171 vagas), gerente administrativo (-2.095 vagas), gerente comercial (-1.238 vagas), supervisor administrativo (-1.054 vagas) e gerente de loja e supermercado (-979 vagas)

 

No ranking das cidades mineiras com pior desempenho na geração de postos de trabalho pelas MPE estão: Serra do Salitre (-433 vagas), Governador Valadares (-303 vagas), Muriaé (-292 vagas) Itabira (-291 vagas) e Janaúba (-275 vagas).

 

 

MUNICÍPIOS de MG com MAIOR saldo de empregos gerados pelas MPE no ano de 2017
Posição Município Saldo
Belo Horizonte         6.029
Betim         1.620
Uberlândia         1.248
Patos de Minas            934
Iturama            866
Montes Claros            788
Varginha            773
Nova Lima            757
Paracatu            750
10º Alfenas            693

 

 

 

MUNICÍPIOS de MG com MENOR saldo de empregos gerados pelas MPE no ano de 2017

Posição Município Saldo
Serra do Salitre -433
Governador Valadares -303
Muriaé -292
Itabira -291
Janaúba -275
Coronel Fabriciano -254
Juiz de Fora -208
Astolfo Dutra -185
José Raydan -158
10º Ouro Branco -156

 

 

 
OCUPAÇÕES com MAIOR saldo de empregos gerado pelas MPE MG no ano de 2017  
 
Posição Atividade Saldo
Alimentador de linha de produção 4.320
Faxineiro 3.164
Atendente de lojas e mercados 3.071
Repositor de mercadorias 2.603
Servente de obras 2.570
 

 

 

OCUPAÇÕES com MENOR saldo de empregos gerado pela MPE MG no ano de 2017
Posição Atividade Saldo
Pedreiro -2171
Gerente administrativo -2095
Gerente comercial -1238
Supervisor administrativo -1054
Gerente de loja e supermercado -979

 

   
 

Saldo de empregos acumulado pelas MPE MG em 2017 por REGIONAL

 

 

Regional Saldo
Centro 13.234  
Sul 6.925  
Triângulo e Alto Paranaíba 5.633  
Centro-Oeste e Sudoeste 4.175  
Noroeste 2.112  
Zona da Mata e Vertentes 1.689  
Norte 1.167  
Jequitinhonha e Mucuri 909  
Rio Doce e Vale do Aço 211  

 

 

Saldo de empregos acumulado pelas MPE MG em 2017 por SETOR

 

 

Setor Saldo
Serviços 20.258  
Comércio 7.996  
Indústria de Transformação 3.067  
Agropecuária, extração vegetal, caça e pesca 2.479  
Construção Civil 1.485  
Extrativa Mineral 464  
Serviços Industriais de utilidade pública 306  

 

 

 

Histórico de admissões, desligamentos e saldo de empregos gerados pelas MPE MG  – (jan a dez  de 2017)

 

Período Admissões Desligamentos Saldo
Janeiro 87.951 -87.287 664
Fevereiro 88.670 -80.446 8.224
Março 93.630 -92.606 1024
Abril 86.018 -76.589 9.429
Maio 106.124 -86.963 19.161
Junho 101.245 -82.153 19.092
Julho 91.164 -88.902 2.262
Agosto 93.397 -99.100 -5.703
Setembro 85.885 -85.756 129
Outubro 87.354 -82.725 4.629
Novembro 83.288 -84.696 -1.408
Dezembro 66.265 -87.713   -21.448
Total 1.070.991 -1.034.936 36.055
 

 

 

Saldo de empregos acumulado pelas MPE por estado em 2017
UF MPE
São Paulo 54.000
Minas Gerais 36.055
Santa Catarina 22.223
Goiás 22.173
Paraná 19.066
Mato Grosso 13.958
Bahia 9.212
Ceará 8.877
Pará 6.639
Maranhão 4.987
Rio Grande do Sul 4.846
Pernambuco 4.591
Amazonas 4.424
Piauí 4.383
Mato Grosso do Sul 2.907
Rio Grande do Norte 2.367
Espírito Santo 2.071
Tocantins 1.832
Distrito Federal 1.757
Roraima 1.220
Acre 786
Amapá 705
Paraíba 91
Alagoas 39
Sergipe -52
Rondônia -197
Rio de Janeiro -7.463
Brasil 221497