Como aprender espanhol com música e ainda melhorar seu vocabulário

Olá, leitor!

Aprender um novo idioma é sempre um desafio! No entanto, essa jornada não precisa ser demorada e nem cansativa. Utilizar a música no aprendizado de idiomas é um técnica com eficácia impressionante. Fonte;

Você já deve ter percebido: a maioria dos professores de idiomas utiliza a música como recurso em aula. Isso acontece porque essa ferramenta possui inúmeras vantagens, ajudando muito na habilidade de ouvir o idioma novo, melhorando a pronúncia e compreensão e ainda expandindo o vocabulário dos alunos.

Quer mais dicas para aprender espanhol? Leia esse outro post com dicas para aprender um novo idioma mais rápido!

Nesse artigo, você aprenderá como algo simples como escutar músicas em espanhol pode ajudar no aprendizado do idioma! Também encontrará diversas formas de usar a música como ferramenta de estudo e entenderá porque ela é tão eficiente! Confira!

Por que a música é usada no aprendizado?

aprender_espanhol_com_musica_

A música é uma ferramenta valiosa no processo de aprendizado, e isso vai além dos cursos de idiomas. Ela é utilizada para ensinar os mais diversos conteúdos, e é muito eficaz em melhorar a capacidade de memorização e evocação do indivíduo.

Você já deve ter ouvido falar ou utilizado a técnica de criar uma música para lembrar de um conteúdo difícil de memorizar. E sempre dá certo! Entenda melhor:

  • A música ativa diferentes áreas do cérebro: nosso cérebro possui muitas funções diferentes, que estão distribuídas em áreas especializadas. Essas áreas são ativadas quando recebemos estímulos. Quando ouvimos músicas, muito mais é ativado do que a área responsável pela audição. Ela estimula nosso raciocínio lógico – pois precisamos decodificar as frequências para interpretá-las como rítmicas – e o sistema límbico – responsável pelas emoções.
  • A conexão emocional gerada pela poesia ou ritmo ajuda a fixar o conteúdo: é comprovado cientificamente que nos lembramos melhor de informações e eventos que evocam emoções. Como a poesia ou às vezes simplesmente a melodia da música é capaz de estimular o sistema límbico – nos fazendo sentir algo – é muito mais fácil recordá-las. É por isso que algumas pessoas lembram-se de letras de músicas por anos.

A fixação de conteúdo com a música é tão eficiente que ela é utilizada de maneira terapêutica em pacientes acometidos pelo Alzheimer. E, frequentemente, esses pacientes se lembram da poesia e cantam junto. Não é impressionante?

Como aprender espanhol com música?

Agora que você sabe como a música ajuda no aprendizado, é hora de aplicar essa estratégia aos seus estudos de espanhol. Primeiramente, vamos falar um pouco sobre alguns métodos que você pode utilizar. Vamos lá:

Incluir a música na rotina

O jeito mais fácil de aprender espanhol com música é simplesmente incluir músicas em espanhol no seu dia a dia. Acredite, o simples ato de colocar algumas músicas no idioma em sua playlist pode ajudar muito!

Normalmente, ouvimos música quando estamos realizando alguma outra tarefa. O mais comum é encontrar pessoas que escutam música no caminho para o trabalho ou escola. Ter o espanhol sempre em plano de fundo nas tarefas diárias, o cérebro habitua-se a ouvir e compreender o idioma.

Essa técnica também facilita o desenvolvimento de um diálogo interno em espanhol. Para se tornar verdadeiramente fluente, é preciso que você eventualmente pare de precisar traduzir as frases e consiga pensar diretamente no idioma. Ouvir espanhol na sua rotina ajuda muito com isso.

Além de todos esses benefícios para estudantes mais avançados, os iniciantes também podem contar com melhorias. Ouvir músicas em espanhol durante o dia te ajuda a melhorar a pronúncia, conhecer palavras novas e aprimorar a capacidade de compreensão do idioma.

Dito isso, é recomendado que estudantes de espanhol iniciantes também utilizem as outras técnicas apresentadas nesse artigo.

Escolher músicas para traduzir e estudar

Muito utilizada nas escolas de idioma, essa forma de estudar ajuda muito alunos iniciantes e intermediários. Para aprender espanhol com música usando essa técnica, basta seguir esses passos simples:

  1. Escolher uma música, preferencialmente de um artista nativo;
  2. Imprimir a letra no seguinte padrão: uma linha da poesia e uma linha vazia para anotações;
  3. Escutar a música pela primeira vez sem acompanhar com a letra;
  4. Escutar a música acompanhando a letra;
  5. Realizar a tradução (veja o próximo item para saber o que fazer com palavras que você ainda não conhece), anotando nas linhas livres;
  6. Escutar a música novamente, acompanhando com a letra;
  7. Escutar a música uma última vez, sem ler a letra.

Perceba como sua compreensão da poesia melhora progressivamente quando você segue esse método. Também é um exercício interessante comparar sua compreensão entre a primeira vez que você escutou a música e a última. Veja só o quanto você melhorou, em apenas sete passos!

Caderno de vocabulário

Certamente, seguindo esse método de estudos, você encontrará muitas palavras novas. Por isso, é importantíssimo contar com um dicionário ou ferramenta de tradução durante os exercícios.

Uma técnica muito eficiente para guardar novas palavras é fazer um caderno apenas para vocabulário. Tente adicionar ao menos uma palavra nova por dia nele! Para fazer os registros no seu caderno de vocabulário, siga esses passos:

  1. Encontre a palavra no dicionário e entenda seu significado e tradução
  2. Escreva a palavra em espanhol no caderno, com a tradução na frente
    1. Se você já é um estudante intermediário ou avançado, ao invés de registrar a tradução, utilize sinônimos da palavra em espanhol para explicá-la.
  3. Use a palavra em uma frase na linha seguinte.

Dessa maneira, você vai criar seu próprio dicionário. Esse caderno também é um diário que mostra o seu progresso!

Ao adicionar pelo menos uma palavra por dia, você está sempre expandindo seu vocabulário e treinando a estrutura das frases.

Imersão cultural: mais uma vantagem em aprender espanhol com música

O espanhol é uma língua falada em muitos países, e todos eles são diferentes entre si. Como não poderia deixar de ser, essas variações culturais se refletem no idioma – e principalmente na música.

A música é uma das mais difundidas formas artísticas de expressão no mundo moderno. As pessoas fazem música pensando em mais do que apenas no ritmo: querem transmitir sentimentos, crenças e modos de vida.

Por isso, aprender espanhol com música torna-se uma poderosa ferramenta de imersão cultural. É por isso que é importante escolher artistas nativos. Por meio da arte, é possível entender como as pessoas vivem no país de origem, como pensam e porque se expressam dessa maneira.

Isso não ajuda apenas a expandir seus horizontes: é importante para o aprendizado técnico do idioma. Cada país tem suas expressões, maneiras de falar e formas de expressão. É fundamental entender esses detalhes se você deseja se tornar realmente fluente em um idioma.

E, é claro, nem todo mundo está disponível para fazer um período de intercâmbio, onde é mais fácil captar essas nuances. A música, assim como seriados, programas de TV e filmes, é uma forma de experimentar essa nova cultura mesmo sem viajar.

Músicas para treinar espanhol

A seguir, veja nossa lista de sugestões de músicas para aprender espanhol:

  • Jarabe de Palo – Que bueno, que bueno
  • Muerte en Hawaii – Calle 13
  • Bebe – Ella
  • El cuarteto de nos – Ya no sé qué hacer conmigo
  • Shakira – Que me quedes tú
  • Bebe – Siempre me quedará
  • Jeanette – Porque te vas de
  • Los Ronaldos – No puedo vivir sin ti
  • Enrique Iglesias  – Subeme la rádio
  • Enrique Iglesias  – Bailando
  • Maná  – Labios Compartidos
  • Maná  – Vivir sin aire
  • Shakira  – Chantaje
  • Luis Fonsi  – Despacito
  • CNCO  – Reggatón lento
  • Juanes  – Para tu amor
  • Alexandro Sanz  – Corazón partío
  • Los Del Rio  – Macarena

O site Espanhol Sem Fronteiras também publicou uma playlist no Spotify para quem quer aprender espanhol com música! Confira.

Conclusão

A música é amplamente utilizada em diversas formas de aprendizagem. Pedagogicamente falando, essa é uma ferramenta poderosíssima: ela estimula diversas áreas do cérebro, promovendo melhor fixação por meio da evocação de emoções e ativação do raciocínio lógico. Por isso, encontramos métodos de ensino que utilizam a música em diferentes assuntos e matérias.

A música é tão poderosa em ajudar na fixação e evocação de memórias que pode até mesmo ser utilizada de maneira terapêutica, ajudando pacientes com doenças degenerativas a recuperar a capacidade de recordar.

Com um poder tão impressionante, não é de se espantar que professores no mundo todo utilizem a música como recurso em sala de aula.

E você também pode aprender espanhol com música, é claro! Mesmo estudando sozinho, a música é uma estratégia eficiente de fixação, melhoria de compreensão e escuta, aprimoramento de pronúncia e expansão de vocabulário. E o melhor: funciona bem tanto para alunos iniciantes quanto os mais avançados, que buscam adquirir fluência.

Nesse artigo, você ficou sabendo quais são os melhores métodos para aprender espanhol com música e encontrou um passo a passo para fazer os exercícios!

Quer mais dicas sobre como aprender um novo idioma por conta própria? Dê uma olhada nesses outros artigos:

Fique de olho também nas atualizações do Canal do Ensino! Estamos sempre publicando novidades e dicas incríveis para quem gosta de aprender.

E você, que técnicas usa para aprender espanhol com música? Divida conosco nos comentários, e não esqueça de perguntar se ficou com alguma dúvida!

Até logo!